O Fantasista
20
Dez

2013

Gameweeks 17 & 18

Por O Fantasista

 

Espero que tenham aprendido a lição: devem capitanear o castor uruguaio sempre que eu decidir excluí-lo das minhas picks!

São já dois sets de duplo dígitos que eu atirei porta fora, 17 e 22 pontos, frente ao WBA e @TOT, respectivamente. Assumido o erro, iniciamos os preparos para uma das fases mais engraçadas da Premier League – “Christmas programme” assim o apelida Alan Pardew. Serão quatro jornadas nuns míseros dez dias, o que perfaz noventa minutos de bola na relva por cada sessenta horas de vida. Em Portugal talvez consigamos malhar noventa rabanadas/sonhos/meninas (de abóbora!), e um jogo da Taça da Liga, no mesmo período de vida. Enfim...

Como tal, e para fazer face a todos os feriados que se aproximam, decidimos (eu e o Editor) dividir este pack natalício em dois previews. O primeiro sobre as GW17 e GW18, e depois no dia 27 falarei das GW19 e GW20. Envolvendo dois jogos, o formato não será o habitual. Desta vez as escolhas serão apresentadas em formato Top-5, excluindo os keepers que serão só dois, e recaem em atletas considerados absolutamente essenciais nas manobras das suas respectivas equipa. Obviamente que tentarei sempre ter em conta a perspectiva do diferencial, pois muitos de vós precisarão (eventualmente) de recuperar terreno perdido.

Uma nota especial para o facto de Arsenal e Chelsea serem as únicas equipas a jogarem dia 23, segunda-feira. A coisa torna-se ainda mais complicada, pois ambos terão jogos a 26 e 29. A rotação é mais do que provável, e decidi excluir os jogadores dos maiores clubes de Londres. Destaque para os seguintes clubes, Manchester City, Everton, Manchester United e Crystal Palace, que resultante dos match-ups favoráveis, dominam as escolhas com 3 jogadores cada. 

 

Goalkeepers

Ian Holloway saiu, e como por milagre a defensiva do Crystal Palace garantiu 4cs em 6 jg, e 3 delas foram precisamente nos últimos 3 jogos em casa. O keeper argentino Speroni (£4.5) é o dono da baliza em Selhurst Park, local onde mora a melhor claque dos palcos ingleses, responsável também ela pelo ambiente eufórico que se vive à volta do clube desde a chegada de Tony Pullis.

Responsável máximo pela primeira clean sheet forasteira desta época, o espanhol de Gea (£5.8) deverá ser o único titular garantido da defensiva do United nesta fase em que o calendário aperta como nunca. Os próximos dois adversários tem tido enormes dificuldades para encontrar o caminho da baliza contrária, proporcionando o melhor par de desafios que um keeper poderia querer nesta altura.

 

Defenders

É o defesa com mais pontos deste jogo, 90, é totalista e está numa forma nunca antes vista, que começou, curiosamente, após a lesão do seu colega do flanco contrário, Leighton Baines. São 33pts nos últimos 4jg para Coleman (£6.2), marcando 2g, conquistando 2cs e 5bps. Talvez o melhor seja mesmo que os seus adversários comecem a realizar um mero 3x2 na ala direita do Everton, é só uma sugestão...

O capitão do Stoke City, Shawcross (£5.4), costuma brilhar neste período congestionado de jogos. Apesar de novo, o veterano destas lides está mesmo à porta do Top-10 classificativo da sua categoria (com 63pts, está a 1pt do décimo). Tem 3cs nos últimos 5jg, e é indispensável no onze de Mark Hughes.

Williamson (£4.4) é uma das boas surpresas de Alan Pardew. Tem sido titular nos últimos 10, período em que o Newcastle só perdeu 2jg, arrecadando 3cs, 1a e 2bps pelo caminho. Bela relação preço-diferencial!

Outro que tem voltado calmamente aos radares da FPL, Bassong (£4.7) recuperou o seu lugar no team de Norwich, e nos últimos 4jg ajudou os canários em 2 vitórias com clean sheet (2bps). Seguem-se duas fixtures que prometem mais retornos para este líder camaronês, que se encontra ainda sem qualquer golo nesta edição da EPL (no ano passado 3g e 2a).

O punt natalício! A oportunidade de Boyata (£4.2) pode surgir no lado direito da defesa do City, tudo devido ao infortúnio dos catedráticos Zabaleta e Richards, ambos lesionados no hamstring. O preço é divinal, e a correr bem pode ser um boost fantástico para quem necessita libertar fundos para reforçar outras áreas do seu 11. No entanto, Pellegrini pode sempre recuar Milner ou mesmo colocar o in-form Kolarov na esquerda passando Clichy para lateral direito. Veremos...

 

Midfielders

Titular em todos os jogos até à data, Yaya Touré (£9.7) é uma máquina a jogar no Etihad. Em 8 jogos marcou ou assistiu em todos (5g, 3a e 10bps – 66pts). O melhor asset para o Natal.

Delofeu, a sua maior ameaça, lesionou-se, e a ponta direita do ataque do Everton deverá voltar a cair no seu colo (suplente utilizado nos 2 últimos em casa). Particularmente eficaz em Goodison Park, 3g, 3a e 5bps, em 8jg, mas onde só foi utilizado em 509min, Mirallas (£7.3) tem uma média bem surpreendente de 7.6pts/90min. 

Regressado após castigo, Cabaye (£6.5) é o patrão do meio campo do Newcastle e volta a figurar neste consórcio fantasista. Sempre com um olho no killer pass e o outro na baliza, o pequeno génio francês conta com retornos em 7 dos últimos 12jg (3g, 4a e 6bps). Tal como Yaya, a consistência é a palavra chave, e como titular, nos 5 em St. James' Park, marcou ou assistiu em todos.

Januzaj (£4.9), o prodígio belga (será mesmo?) parece finalmente ter convencido o velho Skeletor do United. Titular nos últimos 2jg, e com uma assist pelo meio, este menino segura a bola como ninguém (talvez já ao nível de um certo Wayne). Em 617min, conquistou 37pts, suficiente para ser já o melhor médio do United, com uma média de 5.4pts/90min.

Já aqui destacamos o seu colega Bannan, mas tem sido este velho conhecido a ganhar projeção nos últimos jogos do Crystal Palace (titular nos 4jg com Pullis). Puncheon (£4.9) tem vasta experiência a jogar em clubes recém-promovidos, Blackpool (10/11) e Southampton (12/13), disponibilizando-se para ser, mais uma vez, fundamental na fuga à despromoção que o Palace irá travar até Maio. É o responsável por algumas das set-pieces, resultando já em 1 assist no último confronto caseiro.

 

Forwards

Só uma palavra para definir a importância do Luis na FPL: essencial.
As suas últimas prestações falam por si, totais de 24, 15 e 22, elevam-no para um estatuto nunca antes visto na Fantasy. Suárez (£13.1) poderá ser o 1º a passar a barreira dos 300pts numa época!

Ok, a julgar pelas palavras do Skeletor, o #10 do United encontra-se “lesionado” na groin e “has a chance” para sábado às 15:00. Uma coisa é garantida, nunca confiar nas palavras de Moyes, e claro, com a indisponibilidade de Van Persie e Agüero, não posso deixar Rooney (£11.3) de fora no período natalício. Nos últimos 12 jg só não retornou pontos ofensivos em 2, significando uma média de 7.2pts/jg!

O belga está em grande forma, marcando ou assistindo nos últimos 5 jg (6.8pt/jg). Titular desde que chegou ao Everton, este tanque não deverá ter descanso nos próximos 2jg, e as defensivas de Swansea e Sunderland terão certamente vida muito complicada para parar o excelente momento de forma do ataque treinado por Roberto Martinez. Lukaku (£8.6) é ainda o provável batedor de penalties com a ausência de Baines.

Chamakh (£4.8) é o rosto da reviravolta operada por Tony Pullis! O avançado marroquino marcou nos últimos 3jg, demonstrando todo o talento que no passado convenceu o Arsenal a adquirir os seus serviços. O seu letal jogo aéreo encaixa que nem uma luva no estilo futebolistico pretendido pelo ex-manager do Stoke City.

Negredo (£9.4) é o substituto natural de Sergio Agüero. A Besta, como é conhecido, leva 69pts em apenas 908min, e vai liderar o melhor ataque da prova no próximo mês. Em casa tem sido brilhante, conquistando 75% (6g, 3a e 5bps) do seu total pontual. Fora a coisa tem sido desastrosa, só marcou 1 golo e logo há GW2, estando em branco há 6 deslocações (titular em 5). Também é dono de uma stat engraçada: nunca marcou um golo sem o Kun a seu lado!