O Fantasista
11
Abr

2014

Gameweek 34

Por O Fantasista

 

Ontem a terra tremeu.

Apesar de ter sido um mero 4.8 na escala de um tal de Richter, o vosso guru teve que auxiliar a companheira (não insular), perdendo assim preciosos minutos essenciais para a elaboração desta posta semanal. Aqui fica o meu sincero pedido de desculpa por este atraso...

 

O Fantasista está em queda, é oficial. Em duas semanas perdi 650 lugares na geral e 4 na classificativa nacional. Agora, como sempre, justifica-se o risco. Coincidência ou não, as hamstrings do ex-genro do Diego Armando estão de regresso aos convocados de Pellegrini. Sounds good!

Relembro que a GW34 oferece dose dupla para Manchester City, Everton, Crystal Palace e Sunderland. Sendo assim, as picks semanais serão inteiramente dedicadas a estes quatro conjuntos.


Goalkeeper

O italiano Mannone (£4.5m) continua a ser o eleito entre as opções defensivas do team de Gustavo Poyet. Apesar de 4 jogos consecutivos sem cleanies, amealhou 7pts extra com 21 saves. Confrontos com Everton e City deverão aumentar o seu score, e quem sabe sacar uma exibição daquelas mágicas com CS e penalty defendido.

 

Defenders

Na defesa do Citizens, DeMichelis (£6.0m) é o man in form, com BPS em 4 e CS em 5 dos últimos 7 jogos. A visita a Anfield pode trazer problemas, mas a recepção ao Sunderland pode ser um autentico passeio no parque.

Roberto Martínez comparou-o a Lahm, dando mesmo a entender que num futuro próximo Baines (£7.5m) poderá ocupar uma vaga no meio campo do Everton. Uma média de 6pts nos últimos 6 jogos indicia alguma forma, e confrontos contra Sunderland e Palace perspectivam um bom futuro.

Delaney (£4.4m) é o capitão de Tony Pullis e arrancou BPS em 2 das 3 clean sheets conquistadas nos últimos 4 jogos. Ainda não marcou na EPL mas as suas ameaças não tem passado despercebidas. Com 1,1% de ownership é um real diferential dentro da unidade defensiva do Palace, onde muitos escolherão Speroni ou Ward.

 

Midfielders

A última Double Gameweek provou o quão indispensável é Yaya (£10.5m) para o mais que provável sucesso do seu team. Contabiliza 8 sets de duplo dígitos, 3 fora de casa, lançando a sua candidatura a capitão da semana.

Mirallas (£7.7m) produziu 1g, 3a e 3bps nas 3 últimas aparições. Poderá não ser um titular absoluto, mas pertence a um ataque simplesmente demolidor (3 golos em todos os últimos 4 jogos). Com 11.8% de utilização está no limiar do diferencial.

O artista que estragou o meu último sábado, Puncheon (£5.0m), regressa e desta vez em modo redenção. Aqui está ele. Bom proveito!

O médio inglês Jonhson (£6.5m) tem sofrido ultimamente com as escolhas do delirante Poyet! O uruguaio decidiu que o 3-5-2 era o caminho a seguir, e o seu único puro winger (e um dos últimos da EPL) foi o sacrificado. No banco contra Liverpool e West Ham, saltou de lá para ocupar a posição de #10 atrás dos 2 strikers num já desesperante 3-4-1-2, ainda assim foi a tempo de registar 1g e 1a. Na 2ª feira jogou na frente fazendo parte da dupla de avançados. Esperemos que regresse à sua melhor posição, ala direito num 4-4-2, e que volte rapidamente à forma deste ano civil (7g, 3a e 7bps). Realce para o 2º jogo da DGW com Adam Jonhson a voltar ao Etihad, o seu clube de formação.

 

Forwards

Após ausência prolongada Agüero (£12.0m) regressa e é a pick mais arriscada de todas, sem qualquer sombra de dúvida. No entanto o seu currículo fala por si: 15g, 9a e 19bps em apenas 17 participações na EPL. Uma média fantástica de 9.9pts/90min para um avançado capaz de retornos explosivos! O Capitão ideal para quem aprecia ou precisa de um punt devido aos 7.9% a que desceu neste (novo) stint na enfermaria.

Com a entorse no tornozelo já curada, Lukaku (£9.1m) iniciou uma run de 6 jogos com 41pts! Na 1ª rodada não marcou frente a este lote de adversários, algo que tentará certamente corrigir this time around. O tanque belga é indispensável para esta jornada.

Chamakh (£4.7m) é uma interessante opção para quem necessita libertar fundos para outras zonas do campo. Também de regresso após lesão, é um excelente diferencial (3,6%) com matchups frente a Aston Villa e Everton. 

Para o final ficou Borini (£6.2m). Desde aquele golo ao Newcastle que nutro um especial carinho pelo Fabio. O seu tiraço arrepiou-me. E como tal aqui está a minha homenagem ao italiano. O punt da semana. E sim, existe no plantel de 0.5% dos managers deste jogo.