O Fantasista
29
Nov

2013

Gameweek 13

Por O Fantasista

 

Voltamos após mais um fim de semana dramático na English Premier League. Na frente, o Tottenham de André Villas-Boas terá que reagir rapidamente, mas a fixture não poderia ser mais complicada – recepção ao campeão Manchester United. O Chelsea do Zé também joga com um adversário directo, a revelação da época, o Southampton do seu amigo Pochettino. Dois jogos complicados de prever e que sem surpresa não apresentam qualquer jogador nas picks semanais.

Tarefa mais fácil parecem ter Arsenal, Liverpool e Manchester City, com os Sky Blues a merecerem toda a atenção após os seus últimos dois resultados caseiros na liga, duas cabazadas à antiga, 7-0 e 6-0. Swansea: cuidadinho!

O objectivo semanal volta a ser encontrar alternativas low-cost para libertar fundos na tentativa de enquadrar o trio de avançados do momento: Agüero, Suárez e Rooney. O inglês está num excelente momento de forma, 4ªf fez 4 assists para a UCL, mas Rémy e Lukaku teráo pela frente tarefas teoricamente mais facilitadas.

 

Goalkeeper

Pantilimon (£4.9m) não pode continuar fora destas lides, e a recepção ao Swansea é a oportunidade perfeita para o colocar a titular no meu 11. São 2 clean sheets em 2 jogos caseiros, e com a dupla Michu-Bony no estaleiro, as probabilidades de garantir mais uma são bem elevadas.

 

Defenders

Na sua décima terceira época de Premier League, e com mais de 400 appearances, Distin (£5.0m) não é um nome estranho para muitos dos fãs futebolísticos. O francês tem sido um dos pilares do Everton e de Martínez, o único mister que escalou a mesma linha defensiva em todos os jogos da EPL. Com muitas dúvidas sobre quem irá substituir Baines na lateral esquerda, Distin oferece o caminho mais curto (em libras) para uma equipa que já garantiu 6cs, 3 das quais em casa. 

Continuamos por Liverpool onde surge a nova estrela do Football Club, o menino Flanagan (£4.5m). O lateral esquerdo destro é mais uma aposta de Rodgers, e foi lançado no 11 na deslocação ao terreno do Arsenal, juntando mais uma titularidade precisamente no último derby local. Segue-se mais uma saída, desta vez ao KC Stadium para defrontar um Hull City que nos últimos 6 embates só consigo festejar o golo por 3 vezes.

Mesmo após a interrupção de uma série brilhante de 3 cleanies consecutivas em desafios realizados fora do Villa Park, a posta mágica da gameweek passada, Vlaar (£4.5m), entra directamente para as escolhas semanais. É simples, o Sunderland não marca há 4 jogos fora de casa, 3 deles já com Poyet no trono. E há mais, o holandês juntou sempre pontos de bónus (pb) a todas as clean sheets conquistadas.

 

Midfielders

Aquele toque sublime de calcâneo no ferro de Boruc, não me sai do pensamento... e como tal, Ramsey (£7.3m) volta a figurar nas minhas picks. Nos 6 jogos away, o galês conta com 3g, 3a e 6pb, para 41pts. Dos seus 4 sets de pontuação na casa dos duplo-dígitos, os mais elevados foram obtidos fora do Emirates. Um deles registado no seu País de Gales, frente ao Swansea City (13pt). Sábado temos o Cardiff City, e pelo menos 59% do universo fantasista esperará por retornos semelhantes!

Nolan (£6.7m) é o segundo médio a registar mais remates dentro da área, 20. No entanto só por uma vez conseguiu marcar no decorrer desta época. Nas últimas três jornadas, Big Sam colocou-o como líder do ataque do West Ham United, projectando um auspicioso confronto neste próximo sábado frente ao Fulham, equipa que só conseguiu 2cs nos 12 desafios. A verdade é que Martin Jol não consegue arranjar solução para colmatar a lesão do seu capitão, Hangeland, e na sua ausência encaixou 11 em 4 desafios. Nolan não costuma perdoar!

Outro repetente da semana transacta, a extensão em campo de Alan Pardew, o estratega francês, Cabaye (£6.4m). Em casa, são 4 consecutivos a marcar ou assistir, com uma média de 6.5pts/jg. O Newcastle marcou em todos os jogos em que participou, os últimos 10, e enfrentam um West Brom que sofreu 8 nas últimas 4 deslocações. É o dono de todas as set-pieces, aumentando assim as probabilidades de envolvimento nos possíveis golos da sua equipa.

A representar a categoria dos heavy-hitters temos o possante médio costa marfinense, Yaya (£9.6m). O Swansea prepara-se para defrontar um dos médios mais consistentes da EPL, que em 6 jogos no Etihad totaliza 50pt (71% do seu total pontual). Marcou ou assistiu em todos eles, resgatando bonus points em 5 dos 6 jogos. Domingo, contra uma equipa que jogou ontem (vs Valencia na UEL), terá todas as condições para dar continuidade a esta fantástica run de retornos ofensivos caseiros.

 

Forwards

Uma menção especial para Rémy (£8.1m), avançado em grande momento de forma, mas que tem sido excluído das minhas picks simplesmente porque este ano parecem existir uma enormidade de opções a registar uma consistência de retornos pontuais absolutamente fabulosa. A sua oportunidade chega na recepção ao WBA, onde tentará continuar com a recente streak de 3 golos marcados nos últimos 3. O Newcastle prepara-se, pela primeira vez esta época, para vencer 4 jogos consecutivos, e caso tal aconteça, "Thierry" Rémy fará os possíveis para estar envolvido.

Finalizamos o onze titular com os dois sul-americanos mais valiosos da EPL: Agüero (£12.1m) e Suárez (£12.2m). Domingo passado, após mais duas exibições daquelas deste duo, sonhei que jogavam juntos... só não me recordo em que equipa. Talvez na minha, e de muitos, no mundo da Fantasy EPL! Ok, devaneios aparte, pouco mais há a dizer sobre estes dois autênticos toros das arenas inglesas – tal é a capacidade física da dupla . Ficam aqui alguns números: o argentino, nos 6 do Etihad, soma 8g, 6a e 11pb, à média de 11.2pts/jg; o uruguaio, apenas participou em 7 jogos, o suficiente para 9g, 4a, 12pb, à média de 10.3pt/jg. Impressionante!

Obviamente são os dois, talvez únicos, candidatos a envergar a braçadeira de capitão nesta GW13.

 

Bench

Ward (£4.0m) somou 2cs consecutivas na despedida do caretaker do Palace. Agora com Pullis não deve mudar muita coisa para o lateral mais ofensivo do CPL. Defronta um Norwich privado de 3 dos seus jogadores mais ofensivos: RVW, Snodgrass e Pilkington.

Titular nos últimos 9 jogos, Morrison (£4.9m) jogou os últimos 6 na posição “in the hole”, marcando 3g e obtendo mais 3pbs pelo caminho. Tal como Nolan, a recepção ao frágil Fulham poderá ser a chance perfeita para Ravel voltar a figurar na scoresheet.

Para a frente, Lukaku (£7.9m). Com 7g, 1a e 10pbs em 8 jogos pelo Everton (6.25pt/jg), recebe um Stoke City que sofreu 10 nos últimos 4 embates away.

 

Posta Mágica

Começou esta época tal como terminou a de 2012/13, a marcar e muitos! 4 golos nas primeiras 4 jornadas, com direito a 8pbs, indiciaram uma época especial para Benteke (£8.9m), mais um sublime avançado belga. Mas eis que surgiu o improvável, uma lesão algo complicada na anca... Regressou à titularidade após um mês e meio, mas ainda não conseguiu voltar aos golos. Um penalty e três bolas no ferro também não ajudaram, mas tudo se conjuga para finalmente quebrar o seu duck.

Para adocicar esta escolha, fica esta stat: nos 25 jogos em que participou pelo Villa sem Agbonlahor e Weimann apenas apontou 7 golos, contra os 27 que apontou nos 28 jogos em que participaram os 3. No último jogo, os seus parceiros de ataque preferidos já entraram do banco após recuperarem de lesões... Sabado devem jogar os 3 novamente, e é contra o Sunderland. 6-2 no ano passado... com hattie do Christian!